quarta-feira, agosto 5, 2020
Início Noticias SBT terá que pagar 30 mil a cadeirante por atitude discriminatória

SBT terá que pagar 30 mil a cadeirante por atitude discriminatória

O SBT foi condenado a pagar 30 mil reais a uma mulher cadeirante por não ter oferecido condições adequadas para a mesma participar do programa Roda-Roda Jequiti. A 22ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo considerou a conduta da emissora discriminatória.

A participante foi convidada para participar do programa, mas a emissora não teria providenciado uma rampa de acesso para o palco. Por conta da falta de acessibilidade, a cadeirante teve que assistir da plateia e convidar uma procuradora para participar em seu lugar. Segundo o site Conjur, a mulher era vendedora da Jequiti, há 7 anos.

Procurada pela equipe de CLAUDIA, a assessoria do SBT informou que não vai se pronunciar em relação ao episódio.

 

 

 

 

 

Cláudia

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Must Read