Esportes

Pai de Emiliano Sala cita desespero após avião ser encontrado: “Não posso acreditar”

Embora tenha dado fim a uma agoniante procura, a localização do avião que levava Emiliano Sala a Cardiff deixou o pai do jogador “desesperado”. Na Argentina, longe dos familiares que viajaram á Inglaterra para acompanhar as buscas, Horácio Sala revelou que ainda não se comunicou com a mulher e os outros filhos e citou estar vivendo “um pesadelo”.

– Não posso acreditar, estou desesperado. Minha mulher, meus dois filhos e alguns amigos de Emiliano estão lá. Hoje não me comuniquei com ninguém. Falo todos os dias, mas como meu telefone não tem WhatsApp, é difícil para ligar ou que me liguem – disse Horacio ao canal “Crónica TV”.

O avião que levava Sala de Nantes a Cardiff foi encontrado na noite do último domingo, com a ajuda de um barco e um sonar de última geração. O equipamento foi fundamental para localizar a aeronave no fundo do Canal da Mancha, ao sul da Inglaterra e ao norte da França, 13 dias depois de seu desaparecimento.

A localização se deu no primeiro dia em que o barco em questão, alugado, foi usado em uma busca coordenada com uma embarcação emprestada pelo Ministério da Defesa britânico. O avião foi achado na tarde de domingo, mas a notícia só veio a público através do oceanógrafo David Mearns, responsável pelo barco com sonar.

Mearns e outras autoridades marcaram uma entrevista coletiva para esta segunda-feira para dar detalhes sobre as buscas. Ao todo, foram 13 dias de procura, que começaram logo após o desaparecimento do avião, foram interrompidas por decisão da polícia da ilha de Guernsey e depois retomadas por apelos da família e financiadas após campanha que teve doações pela internet.

Contratação mais cara da história do Cardiff, o argentino Emiliano Sala embarcou na noite do dia 21 de Nantes rumo à cidade do novo clube, mas não chegou. O avião que transportava o jogador de 28 anos e o piloto perdeu contato com o tráfego aéreo quando sobrevoava o Canal da Mancha por volta de 20h (horário local; 17h no horário de Brasília) e desapareceu.

G1

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Fechar