Nana rebate matéria onde diz que ela pode assumir o PSB de Guarabira

A ativista Silvana Rodrigues foi surpreendida com uma matéria do NotíciaPB, site ligados a políticos de Guarabira, onde dizia que poderia assumir a presidência do PSB de Guarabira, dada a sua ligação história com Ricardo.

Em contato com Nana, coordenadora do PRIMA em Guarabira, ela disse que sabe de onde vem essas matérias e que o esgoto da política está demonstrado por aqueles que se auto intitulam lordes da moralidade e que dizem ter escolhido o lado da decência.

“Eu me posicionei firmemente contra a saída de Edvaldo Rosas, eu tenho uma história no PSB e essa história jamais se confundirá com o autoritarismo, e sempre ficarei ao lado da Democracia, coisa que Ricardo não fez e me opus firmemente desde o primeiro momento ao modo operado pelo ex-governador”.

A ex membro do Diretório Estadual do PSB ainda revelou que não fica em cima do muro quando o assunto é política, diferente daqueles que tem uma ligação de muito mais proximidade com o Ex-Governador, mas preferem enganar não só a população, mas tenta enganar o Governador João Azevedo.

“Quando Ricardo tiver novamente uma pequena centelha de poder esse pessoal que ficou em cima do muro durante o processo vai para debaixo de suas asas largando e sabotando o governo João Azevedo. Não sou da turma que diante do poder baixa a cabeça, foi assim quando enfrentei a decisão do PSB Estadual em deixar o PSB de Guarabira nas mãos do PMDB na época. Fomos a Justiça e derrubamos a decisão contrariando os interesses de Ricardo Coutinho.

Desde do início desse processo eu expressei para o próprio governador João Azevedo como também para o companheiro Edvaldo Rosas que iria seguir o projeto construído pelo PSB que continua com João Azevedo.

Nana não poupou críticas aqueles que não se posicionaram desde o início: “Não é nosso grupo que está sendo taxado em toda Guarabira de traidores e oportunistas. Sempre tivemos lado, sempre defedemos a democracia. Eu, Marcelo e tantos outros companheiros sempre tivemos posição e não é agora que deixaremos de ter.”

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar