DestaquePolítica

Meireles presta contas de mandato e destaca debates ‘acalorados’ na Câmara

Parlamentar destacou debates promovidos na Casa e as áreas beneficiadas com suas reivindicações.

Na sessão ordinária de terça-feira (11), a última deliberativa antes do recesso parlamentar, o vereador Renato Meireles (PSB) ressaltou os debates ‘acalorados’ promovidos pelo seu mandato na Câmara Municipal de Guarabira e fez uma prestação de contas do primeiro semestre de 2019.

Meireles destacou debates ocorridos em audiências públicas, como o sobre a reforma da previdência; o de políticas públicas voltadas para crianças autistas; o da campanha da fraternidade; o do corte de verbas na educação federal e os impactos no Instituto Federal da Paraíba de Guarabira.

“O semestre foi de lutas importantes e esses debates são de grande relevância, e quem ganha com o bom debate é o povo de Guarabira, como por exemplo às mães das crianças com autismo, os marchantes que tiveram a notificação para se retirarem da feira livre revogada pela prefeitura, os agentes de saúde e endemias que garantiram o pagamento do reajuste salarial. Porque é pra isso que essa Casa serve e formos eleitos vereadores da nossa terra, para em momentos difíceis chamar a responsabilidade e realizar os debates em favor da população”, enfatizou Renato as áreas beneficiadas pelas suas reivindicações.

O vereador destacou ainda a aprovação do Projeto de Lei Nº 38/2019, que inclui o dia 21 de março no calendário oficial da cidade como o Dia Municipal da Síndrome de Down, além dos que estão tramitando nas comissões, a exemplo do PL que autoriza o poder executivo a conceder isenção de todos os tributos municipais aos comerciantes instalados no Centro de Comercialização de Calçados Geovane Muniz Dos Santos, por um período de 24 meses.

“Nossa atuação tem sido pautada na busca por dias melhores para a população. Sentimos que cumprimos nosso dever e que no próximo semestre continuaremos com o nosso trabalho profícuo em prol dos guarabirenses, buscando ser a voz que eles precisam na Câmara”, asseverou o parlamentar.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Fechar