Policial

Em Guarabira, homem com tornozeleira eletrônica é preso por policiais do 4º BPM por embriaguez e desordem

Um homem usando tornozeleira e outro em liberdade condicional foram presos por policiais do 4º BPM (Batalhão de Polícia Militar) na noite desse sábado (11), em Guarabira, suspeitos de embriaguez e desordem. A guarnição de Rádio Patrulha realizava rondas pela zona rural quando foi informada que nas proximidades do Sítio Contendas havia dois homens em atitudes suspeitas. Ao chegarem ao local, os policiais constataram que eles apresentavam sinais visíveis de embriaguez alcoólica e verificaram que um estava usando tornozeleira eletrônica e o outro informou que estava
em liberdade condicional. Ambos foram conduzidos à Delegacia de Polícia Civil.

Também em Guarabira, policiais realizavam rondas de rotina pelo Bairro Primavera quando foram informados que um homem, armado com uma faca peixeira, estaria ameaçando a sua companheira e teria tentado asfixiá-la. De imediato, a guarnição se dirigiu até o local e conseguiu localizar e prender o suspeito, que ainda estava portando a faca. Ele foi conduzido à delegacia e autuado em flagrante pelo crime de violência doméstica.

À tarde, ainda em Guarabira, durante rondas, os policiais foram informados que um homem estaria em atitude suspeita no Bairro Primavera. Ele foi localizado e, após consulta processual, os policiais constataram que contra o acusado havia um mandado de prisão em aberto expedido pela 17ª Vara Criminal de Natal, no Rio Grande do Norte.

Em Alagoinha, policiais da 2ª Companhia prenderam um homem por desacato depois que a guarnição foi informada que dois indivíduos estavam se agredindo no meio da rua, armados com faca e facão. Ao chegarem ao local, a confusão tinha cessado, mas um dos envolvidos recebeu os policiais com xingamentos e palavras de baixo calão.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Fechar