DestaquePolítica

Dirigentes partidários assinam documento e não aceitam Célio como interlocutor do Governo

Dirigentes de partidos que formam o agrupamento Girassol de Guarabira, enviou no último dia 13 de agosto, um documento solicitando uma audiência com Edvaldo Rosas, época presidente do Diretório Estadual do PSB e Secretário Chefe de Governo. Os dirigentes não aceitam que Célio Alves (secretário executivo do Orçamento Democrático) seja o intermediário do Governo em Guarabira, e pedem uma mudança.

O Blog de Dércio teve acesso ao documento assinado pelos representantes do PDT, Avante, PCdoB, PROS e PT. O que chama a atenção é assinatura de um membro do diretório estadual do PSB, que também assina a solicitação de audiência, demonstrando insatisfação com o presidente da comissão provisória do PSB de Guarabira.

Todos eles (dirigentes) dispensam o intermediário de Célio Alves e sugerem um dialogo direto com Edvaldo Rosas e o próprio governador João Azevêdo. Em entrevista no último domingo (18), Célio afirmou que o nome de Ricardo Coutinho seria a melhor opção para comandar o partido na Paraíba.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Fechar