Política

DIA MUNDIAL DA ÁGUA: Na Paraíba, 56,6% dos reservatórios estão com menos de 20% da sua capacidade

Como alternativa, a parlamentar defendeu mais investimentos em perfuração de poços e parcerias com o Governo federal para a contratação de carros-pipa.

A Paraíba não tem muito que celebrar no Dia Mundial da Água (22 de março), pois 56,6% dos seus reservatórios estão com menos de 20% de sua capacidade, segundo dados da Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado da Paraíba (Aesa). A deputada estadual Camila Toscano (PSDB) lamentou a situação e cobrou o empenho do Governo do Estado no processo de abastecimento de água na Paraíba e destacou o grande problema de falta de segurança hídrica na região do Brejo, aonde em alguns municípios a população vem sofrendo sem água na torneira.

Como alternativa, a parlamentar defendeu mais investimentos em perfuração de poços e parcerias com o Governo federal para a contratação de carros-pipa.“É preciso garantirmos mais perfuração de poços e investimentos em obras estruturantes que garantam o abastecimento. A população não pode ficar desabastecida e até mesmo esquecida pelo governo. Infelizmente não existe um projeto para execução e que garanta o fornecimento de água nessa região”, destacou a deputada.

De acordo com Camila existem cidades que só chega água nas torneiras três dias a cada dois meses e isso tem que ser visto pelo Governo do Estado. Bananeiras, por exemplo, só tem água nas torneiras durante 72 horas, a cada 15 dias e a cidade passa sede, mesmo estando ‘em cima da água’. No município de Solânea, os moradores reclamam que recebem água barrenta apenas um dia por semana.

“Vemos diariamente o sofrimento de uma região que fica a pouco mais de 100 quilômetros do Litoral, onde teoricamente haveria água em condições normais. Infelizmente falta de organização e infraestrutura por parte do Governo do Estado resultaram na atual situação”, destacou a deputada.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo
Fechar