Esportes

Com mistério, Botafogo estreia na Sul-Americana tentando esquecer mau momento

O Botafogo estreia na Copa Sul-Americana nesta quarta-feira às 21h30, diante do Defensa y Justicia, no Engenhão, com dois objetivos bem definidos. A equipe tenta iniciar bem a competição, que talvez seja seu principal sonho para a temporada, além de deixar para trás a péssima impressão deixada neste início de ano.

Dos quatro grandes do Rio, o Botafogo foi o único a não chegar nas semifinais da Taça Guanabara. Com três derrotas e um empate nas quatro primeiras rodadas, a equipe foi eliminada com uma partida de antecipação. Somente na despedida, contra o Boavista, veio a reação e a única vitória da temporada até o momento: 3 a 0, fora de casa.

Este é justamente um dos motivos para as dúvidas criadas na cabeça do técnico Zé Ricardo. Afinal, diante do Boavista, o Botafogo entrou em campo com uma escalação cheia de reservas e teve sua melhor atuação na temporada. O jovem Jonathan, pela lateral esquerda, e o meia Gustavo Ferrareis aproveitaram a chance, marcaram gols e podem aparecer como surpresas na escalação. Mas o treinador fará mistério até momentos antes da partida.

“As definições, vou deixar para revelar após nossa chegada ao estádio amanhã. Temos feito algumas observações, para a gente é importante mantê-las até o fim. Temos dúvidas de quem começará amanhã, mas é certo que alguns voltam”, explicou.

Depois de testar diferentes sistemas neste início de ano, Zé Ricardo deu a entender que optará por uma formação mais precavida, para evitar levar gols em casa, o que daria uma boa vantagem ao Defensa y Justicia para o duelo de volta, no próximo dia 20, em Buenos Aires.

O treinador ressaltou a necessidade de “equilíbrio” nesta quarta-feira. Ele também espera ter a seu favor o apoio da torcida botafoguense, que tem mostrado o desejo de conquistar um título internacional com bons públicos nas últimas partidas da equipe em torneios sul-americanos.

Mas a tarefa do Botafogo não será nada fácil. Não bastasse pegar um time argentino logo de casa, o seu adversário vive ótimo momento no país. O Defensa y Justicia é o segundo colocado e único invicto do Campeonato Nacional, após 17 partidas. São quatro vitórias consecutivas do time que vive um dos grandes momentos de sua história.

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Fechar