DestaquePolicial

Cinco homens e uma mulher são presos por policiais do 4º BPM durante final de semana

Durante o final de semana, cinco homens e uma mulher foram presos por policiais do 4º BPM (Batalhão de Polícia Militar) em ocorrências registradas em quatro diferentes cidades. A primeira prisão, de um suspeito de furto a um estabelecimento público, na cidade de Guarabira, quando os policiais realizavam rondas de rotina pelo Bairro Novo e visualizaram um homem carregando um objeto que teria sido furtado da Escola Estadual Antônio Professor Benvindo. Com a aproximação dos policiais ele ainda tentou fugir, mas foi alcançado, preso e, em seguida conduzido para a delegacia.

Em Alagoa Grande, os policiais realizavam rondas quando foram abordados pela vítima, que informou que havia sido agredida fisicamente pelo seu marido. A guarnição conseguiu localizar e prender o acusado, que foi encaminhado à delegacia e autuado em flagrante pelo crime de violência doméstica. Em Mulungu, após uma tentativa de homicídio, os policiais realizaram rondas na tentativa de prender os suspeitos e acabaram encontrando, na cidade de Mari, um veículo Celta de cor prata, que segundo informações, foi utilizado por eles para fugir.

Em Caiçara, dois homens foram presos por embriaguez e desordem, além de desacato e desobediência, depois de serem denunciados por estarem com sinais visíveis de embriaguez alcoólica, criando desordem no interior do ginásio esportivo da cidade, onde acontecia um evento. No momento da abordagem, eles desobedeceram e desacataram os policiais, mas foram dominados e conduzidos à delegacia.

Outra prisão de um suspeito de violência doméstica foi registrada em Cuitegi, depois de um homem agredir fisicamente a esposa, chegando a utilizar um banco de madeira. A vítima relatou que ele teria saído de casa à tarde para comprar fraldas e só retornou à noite, embriagado e, neste momento, passou a agredi-la fisicamente. Ele foi preso e levado para a delegacia.

No Bairro do Rosário, em Guarabira, uma mulher agrediu o marido e foi presa suspeita de lesão corporal. Segundo ele relatou aos policiais, ao chegar em casa aconteceu um  desentendimento entre os dois e ela passou a agredi-lo fisicamente. Os dois foram conduzidos à delegacia mas, na presença do delegado, o homem renunciou ao direito de representar contra a acusada e ambos foram liberados.

Assessoria 4º BPM

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo
Fechar