Mulher e BelezaSaúde

Cabelo elástico? Veja dicas de como deixá-lo hidratado em casa

Com o tempo, escova progressiva, relaxamento, chapinha, secador em alta temperatura e coloração acabam agredindo os fios, que não estão preparados para tantas mudanças. O efeito de “cabelo elástico” pode ser uma das consequências. Mas o que é esse tal efeito elástico?

“Cabelo elástico é o nome que popularmente usamos quando os fios perdem as suas propriedades naturais de elasticidade e tornam-se frágeis, quebradiços e pouco moldáveis”, explica o Dr. Caio Lamunier, dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e do Hospital das Clínicas de São Paulo. Com isso, ao passar os dedos nos fios, você realmente sentirá esse efeito de vai e vem como se estivesse puxando um elástico.

Causas do fio elástico

O dermatologista explica que o problema pode acontecer por diversas razões, mas as mais comuns são as diversas agressões (normalmente químicas) aos fios durante um período longo de tempo.

Secar os cabelos em temperatura muito alta também é prejudicial, bem como o uso de chapinhas. E atenção: quanto mais finos os fios, mais suscetíveis a danos elas são, pois sua camada protetora é menor.

Já prender o cabelo com elásticos apertados não está entre as causas do cabelo elástico. “Trações exageradas podem levar a dano nas raízes dos fios e queda de cabelo, que algumas vezes são irreversíveis – mas não ao fio elástico”, afirma Dr. Caio.

3 dicas para evitar o fio elástico

O especialista dá dicas para evitar o problema e conservar a saúde dos fios:

1 – Evite secar os cabelos em temperatura muito alta ou com o secador muito perto dos fios. O calor pode causar sensibilidade no cabelo, além de queimar o couro cabeludo.

2- Faça hidratação capilar, mas sempre escolha um produto adequado e de qualidade.

3 – Tenha cuidado ao desembaraçar os cabelos: faça isso sempre de forma suave para não danificar os fios.

Como tratar o cabelo em casa

Se seu cabelo está elástico, há diversas opções no mercado para deixá-los saudáveis novamente. Queratina líquida, hidratantes capilares e máscaras nutritivas são algumas das indicações do especialista.

“Apesar dos diferentes nomes, todos visam o mesmo efeito: hidratar os fios! Isso pode ser feito em casa – respeitando o tempo de intervalo entre uma aplicação e outra – ou em salões de beleza. Mas lembre-se: não adianta hidratar e continuar danificando os fios”, completa o dermatologista.

Antes de aplicar qualquer produto de hidratação, o ideal é usar um shampoo anti-resíduos, que ajuda a limpar os fios profundamente, abre as suas escamas e permite que o produto penetre com mais facilidade.

“Por fim, é importante pesquisar e pegar indicações de marcas de qualidade para evitar desperdício de produto e dinheiro”, completa.

fonte: terra

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Fechar