Entretenimento

Em meio à polêmica, trans do vôlei curte carnaval de ‘mulher maravilha’

Tiffany Abreu, primeira atleta transexual a disputar a Superliga Feminina de Vôlei, curtiu o sábado (10) de Carnaval em Piraju, no interior de São Paulo. Ela aproveitou a folia fantasiada de “Mulher Maravilha”.

A fantasia de Tiffany pode ter sido uma “resposta” aos que são contra a participação dela no vôlei feminino. Mesmo com autorização do Comitê Olímpico Internacional e da Federação Internacional de Vôlei, a atleta enfrenta polêmicas por ser transexual.

Nas últimas semanas, atletas, especialistas e torcedores entraram num debate sobre Tiffany jogar vôlei com as mulheres.

 

Noticias ao Minuto

Comentar